top of page
  • Foto do escritorFernand Lodi

Atrações gratuitas e 2ª edição do Acuenda na agenda do Instituto Usiminas



Centro de Memória Usiminas e Biblioteca Central de Ideias podem ser acessados pela comunidade


A segunda semana de agosto começa com o convite a vivenciar diversas experiências nos espaços do Instituto Usiminas. O Centro de Memória Usiminas e a Biblioteca Central de Ideias disponibilizam seu acervo permanente para acesso gratuito das comunidades do Vale do Aço.


No fim de semana, o 2º Festival Acuenda apresenta performances de dança contemporânea pautadas na diversidade de gênero. A programação está disponível no site do Instituto Usiminas: www.institutousiminas.com.


As visitas ao Centro de Memória Usiminas, instalado no prédio do antigo Grande Hotel de Ipatinga, são um convite a viajar pela memória da siderurgia em três ambientes: a Sala Memorial, a Sala Acervo Artístico e a Sala Grande Hotel.


O espaço abriga obras de grandes artistas e espaços que conectam a história da industrialização no Brasil, de Ipatinga, da Usiminas e do Grande Hotel.


O público é convidado a fazer um rico mergulho pela História, pelo resgate e preservação de sua própria memória.


A visitação é gratuita e pode ser feita de quarta a sábado, das 10h às 18h, e domingo, das 10h às 13h. Para visitas mediadas, o agendamento pode ser feito pelo contato: (31) 98437-3330.


Para colocar a leitura em dia, a Biblioteca Central de Ideias do Instituto Usiminas atendendo a comunidade presencialmente, no Centro Cultural Usiminas, ou pelo Delivery de Livros, com entrega gratuita dos livros em todo o Vale do Aço sempre às terças-feiras.


Hoje, o acervo é composto por aproximadamente 9 mil títulos entre Arte, Literatura, Psicologia, História, Administração, diversos best sellers, entre outros títulos estão à disposição dos mais de 15 mil sócios da Biblioteca.


Horário de funcionamento: terça à sábado, das 12h às 20h. Informações: 31.3824.3849 | bibliotecacentraldeideias@usiminas.com.


Diversidade


A 2ª edição do Festival Acuenda será nesta sexta e domingo (12 e 14/08), no Teatro Zélia Olguin, abrindo espaço para a dança contemporânea, com atrações pautadas pela diversidade de gênero.


Na noite de sexta (12/08), a partir das 19h30, dois espetáculos: o “Valentar”, que propõe pensar o corpo que dança por meio dos contextos e os assombros que os cercam; e o “Experimento 1: Masculino?”, construído em três caminhos que se cruzam: a relação com o que é ser masculino, com a família e com a toxicidade da formação masculina no Brasil.


O festival apresenta também o “Sarau Tetras da LGBTudo”, no domingo (14/8), às 19h30, no Teatro Zélia Olguin, com a proposta que busca fortalecer o movimento LGBTQIA+ por meio de performances que fazem sátira aos programas matinais de variedades.


O Acuenda conta com o patrocínio da Usiminas, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais. Classificação de 14 anos. Os ingressos estão disponíveis na Bilheteria do Teatro Cultural Usiminas e no site sympla.com.br.


Comentarios


  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
bottom of page