• Fernand Lodi

Decoração de Natal da Fundação Aperam Acesita leva brilho e cor ao Centro de Timóteo



Na noite da última terça-feira (1), a fachada do prédio histórico teve a sua decoração inaugurada

Luzes e as cores do Natal já enfeitam a fachada da Fundação Aperam Acesita. Na noite da última terça-feira (1), aconteceu a inauguração da decoração que marca as festividades da empresa.


Um Papai Noel já adequado ao momento de pandemia utilizando máscara, presentes espalhados pelo gramado, guirlandas e estrelas por todas as janelas e sacadas acompanhadas com os brilhos dos pisca-piscas e refletores trazem a magia da festa cristã ao Centro de Timóteo.

Ao todo foram acendidas 120 mil micro-lâmpadas iluminando o prédio histórico da Fundação, além dos 180 refletores e leds.


A presença do Papai Noel foi uma das atrações da inauguração. Da sacada do prédio histórico, o bom velhinho acenou para o público que passou pelo local para contemplar o espetáculo.

O pequeno Romeu, 2 anos, celebrou a chegada do bom velhinho juntamente com a sua mãe, Ana Lúcia. “Pra gente, é um momento muito especial poder compartilhar da alegria de ver nossa cidade sendo presenteada com essa decoração”, comemora.


A decoração com as luzes poderá ser sempre apreciada todas as noites durante o mês de dezembro.


Além disso, os visitantes poderão conferir uma mensagem especial do Papai Noel durante as visitas.


Na entrada da Fundação há um painel com um QR Code, ao fazer a leitura do código com o celular, exibe um vídeo do Papai Noel com uma mensagem de paz e alegria.

E tem muito mais surpresas! Aos finais de semana o Papai Noel irá realizar aparições na fachada da Fundação.


Outra atração muito aguardada, a tradicional apresentação de músicas natalinas do Coral Infantojuvenil Aperam, que este ano será promovida virtualmente no dia 20, nas redes sociais da Aperam no Brasil.


Em relação às atrações presenciais e cumprindo todos os protocolos propostos da Organização Mundial da Saúde (OMS), a orientação é que os visitantes se mantenham a 2 metros de distância uns dos outros, utilizem máscaras corretamente e evitem formar aglomerações.


“Foi preciso fundir o presencial com o virtual, uma alternativa que nos cercou durante todo o ano pandêmico. Principalmente este ano, que completamos 26 anos de iluminação da Fundação, não poderíamos deixar sua fachada apagada, afinal, é um dos eventos mais tradicionais da empresa e da cidade. Com isso, conseguimos manter o nosso viés cultural em umas das atrações mais tradicionais da nossa cidade”, destaca o Presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.