• Fernand Lodi

Festival de Verão 2020 terá mais de 30 atrações


Evento patrocinado pela Usiminas oferece programação cultural de 18 de janeiro a 16 de fevereiro


Vem aí a quinta edição do Festival de Verão Vale do Aço. Entre os dias 18 de janeiro e 16 de fevereiro, o evento tradicional neste período de férias vai oferecer uma programação com mais de 30 atrações de várias partes do país.


Com patrocínio da Usiminas e realização do Instituto Usiminas, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, o Festival de Verão Vale do Aço 2020 terá teatro, dança, música, cinema e aulões gratuitos.


Tem atração para público de todas as idades e com uma novidade. Nesta edição, todos os eventos contarão com a opção do Ingresso Solidário, que oferece ao público a opção de pagar o valor de meia-entrada, mediante doação de 1 quilo de alimento.


As arrecadações serão destinadas para entidades assistenciais do Vale do Aço. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteira do Centro Cultural Usiminas e site www.eventim.com.br. A programação completa está disponível no site www.institutousiminas.com.


As atrações em cartaz foram selecionadas por meio de edital que contou com trabalhos inscritos de vários estados brasileiros.


Nas quatro últimas edições, o Festival de Verão reuniu cerca de 30 mil pessoas em 190 atrações oferecidas. Espetáculos com artistas de projeção nacional e grupos do Vale do Aço já passaram pelo Festival.


A diretora do Instituto Usiminas, Penélope Portugal, salienta a importância da continuidade do evento que já entrou para o calendário cultural da região. “Selecionamos atrações para todo o público e convidamos a comunidade a vir se divertir com entretenimento de alta qualidade no Festival de Verão, e ainda poder ajudar entidades por meio do Ingresso Solidário”, frisa a diretora.


Destaques


A programação terá como destaque no seu primeiro fim de semana, dia 19/1, às 17h, no Teatro do Centro Cultural Usiminas, o emocionante espetáculo “O Menino e a Cerejeira”, da Borbolina Companhia (SP), inspirado a obra de Daisaku Ikeda, filósofo, escritor, e pacifista japonês.


Com enredo lúdico e emocionante, a peça retrata a história de sobrevivência de uma árvore cerejeira, a partir de um enredo onde amizade, determinação e coragem unem o garoto Taiti e sua dura realidade após a devastação provocada pela guerra. No palco, mensagens de paz, esperança e humanismo inspiram crianças, jovens e adultos.


Prata da Casa, a comédia “Santinhas do Pau Oco”, será apresentada no dia 18/1, no Teatro do Centro Cultural Usiminas, às 20h. Sucesso de público, a peça conta a história de jovens freirinhas que, enclausuradas num convento, vivem sob as rígidas regras da madre superiora.


Em fevereiro, o humorista Geraldo Magela retorna ao Festival de Verão com a comédia “Ceguinho é a Mãe”, dia 1/2, no Teatro do Centro Cultural Usiminas. Para quem admira a sétima arte, tem sessão de cinema com o Los Películas Cine Clube, dia 12/2, no Centro Cultural Usiminas.


E para que o público experimente um pouco dos cursos permanente oferecidos no Centro Cultural Usiminas, dia 8/2, serão realizados três aulões gratuitos, de 16h às 19h das modalidades Canto Popular, Yoga e Dança e Salão.

ESSENCIAL AR

"Arte é a Prática da Verdade, do Bem e do Belo, ou seja, Ética, Filosofia e Estética em todos os Âmbitos da Vida"    Massararu Taniguchi/Filósofo Japonês

Telefone Contato

31 988543133

email de contato
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram