• Fernand Lodi

Fundação Aperam Acesita inicia projeto de R$400 mil em escolas públicas de Timóteo




Em parceria com o Conselho da Criança, Fundação Aperam Acesita inicia projeto de R$400 mil em escolas públicas de Timóteo, o Atletas Cidadãos


A Fundação Aperam Acesita, com recursos captados junto ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA, por meio do Fundo da Infância e Adolescência de Timóteo via Edital Fundos da Infância e Adolescência – FIA 2019 do Itaú Social, dá início ao Projeto Atletas Cidadãos.


A iniciativa tem como objetivo aperfeiçoar o ensino, envolvendo alunos e professores num método de ensino personalizado.


Por meio de uma plataforma educacional, serão ampliadas as práticas pedagógicas, através do desenvolvimento de competências e habilidades, fundamentadas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e nas Matrizes de Referência da Prova Brasil/SAEB, utilizando animações, aulas multimídia interativas, simulações e games, como forma de garantir uma aula dinâmica e atrativa.


“Essa iniciativa é mais uma forma da Fundação Aperam Acesita assegurar sua contribuição efetiva com a melhoria do processo contínuo de educação nas áreas de influência da Aperam. O Atletas Cidadãos se fundamenta no Art. 4o do Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8069/90), que garante como um dos direitos fundamentais o acesso à educação, juntamente a outros, não menos importantes como à vida, à saúde e a alimentação”, sublinha o Presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.


O Atletas Cidadãos irá atender 600 alunos, na faixa etária de 11 a 14 anos, de duas escolas municipais de Timóteo (E.M. Limoeiro e Instituto Municipal de Educação Técnica de Timóteo – IMETT), do sexto ao nono ano. O projeto será realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Timóteo.


A proposta ainda contribui para transformar a maneira como se desenvolvem os processos do ensino e da aprendizagem, articulando e inovando metodologias entre professores e alunos, promovendo a aprendizagem colaborativa no ambiente digital.


A diretora da Escola Municipal do Limoeiro, Sandra Teresinha Pimenta, que se dedica há 25 anos à profissão de educadora, destaca que “este projeto possibilitará aos nossos educandos a prática de um ensino diferenciado e atraente com acesso à tecnologia até então muito limitada na comunidade”.


A proposta é que seja disponibilizado uma Sala de Informática Móvel para cada instituição de ensino a ser contemplada pelo projeto, a qual será composta por tablets que serão disponibilizados aos alunos dentro de sala de aula.


Nesses equipamentos será instalado uma plataforma educacional, para que o professor, juntamente com um profissional do projeto, possa desenvolver questões de Língua Portuguesa e Matemática, de forma a contribuir com a inovação para transformação e evolução da aprendizagem dos alunos.


Ana Paula Correa de Araújo, graduada em História, é diretora e professora da rede pública no município de Timóteo e Coronel Fabriciano. Há 18 anos Ana atua como educadora, passando por diversos segmentos da Educação Básica.


“A conjuntura atual nos trouxe a necessidade de reinventar possibilidades, como a de aliar a tecnologia à educação. Através do projeto Atletas Cidadãos acreditamos que os nossos alunos, mediados pelos professores, terão a oportunidade de ter acesso a metodologias interativas e atrativas, que proporcionarão um aprendizado significativo”, pontua Ana, que é diretora do IMETT.


Itaú Social


O Itaú Social desenvolve, implementa e compartilha tecnologias sociais para contribuir com a melhoria da educação pública brasileira. Sua atuação está pautada na formação de profissionais da educação e no fortalecimento de organizações da sociedade civil.