• Fernand Lodi

Indústria da moda aposta em produtos menos descartáveis e feitos à mão para reforçar exportações



Empresários do setor em Minas Gerais estão de olho nas inovações apresentadas na Expo Dubai

O consumidor de moda no pós-pandemia estará mais atento ao consumo consciente, qualidade e durabilidade dos produtos.


“Ele vai querer menos itens descartáveis. E isso é muito bom para a moda mineira, que tem um design mais autoral, de estilo e com muitas indústrias investindo em produtos manuais”, afirma Manoel Bernardes, presidente da Câmara da Moda da FIEMG.


O desenho contemporâneo das joias, as gemas brasileiras e as roupas com estilo próprio e bordadas à mão são os diferenciais que a moda mineira vai mostrar a Expo Dubai.


“O segmento de joias no Oriente Médio é forte. Vamos mostrar nosso design contemporâneo e as gemas brasileiras, que são muito valorizadas”, afirma Bernardes.


Ele ressalta que a indústria de moda mineira não tem escala, mas tem produtos diferenciados, com preços acessíveis e potencial de sucesso nas exportações, como já vem acontecendo com as marcas mineiras Patricia Bonaldi, Maracujá e Luiza Roggi.


Sustentabilidade


Manoel integra o grupo de empresários mineiros que está em missão de novos negócios na Expo Dubai em busca de soluções mais sustentáveis e inovações para a indústria nacional. “É uma ótima oportunidade para discutir inovação. A feira mostra uma visão de mundo dos próximos 50 anos”, diz.


A missão, promovida pela FIEMG, vai levou empresários de áreas diversas como mineração, energia, moda, alimentação e construção civil.


“É uma oportunidade para ver o que está acontecendo na vanguarda do mundo em termos de inovação tecnológica e sustentabilidade e poder trazer essas soluções para a nossa indústria. Os industriais mineiros vão poder se atualizar em seus respectivos setores, além de levar uma parte da nossa rica e bela cultura para o evento”, afirma Flávio Roscoe, presidente da FIEMG.


Raio X do Setor

Empresas Empregos

Brasil: 65.532 1,20 milhão

Minas Gerais: 8.796 121.390

Fonte: FIEMG