• Fernand Lodi

Fórum MOB-Tur aprova plano de ação do projeto do trem BH-Brumadinho



Iniciativa liga as cidades mineiras de Belo Horizonte e Brumadinho e poderá transportar 1.400 pessoas por dia

A primeira reunião do Fórum de Mobilidade e Conectividade Turística (Mob-Tur) do Ministério do Turismo, nesta segunda-feira (26.10), marcou a aprovação do Plano de Ação do trem turístico BH-Brumadinho, que liga as cidades mineiras de Belo Horizonte e Brumadinho.


O próximo passo é a criação de um grupo técnico e a realização de uma reunião extraordinária a ser agendada para novembro.


Durante o encontro, também foram discutidos assuntos como melhorias no turismo rodoviário, na conectividade aérea e no turismo náutico.


“Essa primeira reunião foi muito importante para apresentarmos as diretrizes do fórum e identificarmos prioridades, incluindo a aprovação do trem turístico. A mobilidade e conectividade são determinantes para o desenvolvimento do turismo do país e, nesse momento pós-pandemia, resolve também a demanda do turismo de curta distância” destacou o secretário nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões (SNAIC), Lucas Fiuza. “Eu só tenho a agradecer o empenho das equipes e dos secretários pelo que foi apresentado e discutido aqui”, finalizou.


O projeto do trem BH-Brumadinho prevê a revitalização de uma estação em Belo Horizonte, próxima ao Museu de Artes e Ofícios (MAO), e a construção de outra em Inhotim.


Em atividade, ele será capaz de transportar 1.400 pessoas por dia em duas locomotivas com dez vagões cada. O trajeto de 52 quilômetros será feito em pouco mais de uma hora.


Agora, será criado um grupo técnico de trabalho para mobilizar os atores envolvidos no projeto e definir ações e estratégia de implementação.


O objetivo é engajar as instituições diretamente ligadas ao projeto, tais como o Ministério da Infraestrutura, o governo estadual de Minas Gerais, a Vale, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).


Em novembro deve acontecer uma reunião extraordinária exclusiva para tratar do trem BH-Brumadinho.


REQUALIFICAÇÃO


Os integrantes do fórum também destacaram a indicação do projeto “Ruas Turísticas Completas” para execução principalmente por meio de emendas parlamentares.


A iniciativa agrega o turismo à proposta original das vias públicas, aprimorando atrativos turísticos existentes e alavancando novos, priorizando a mobilidade a pé.


Isto se dá por meio do aperfeiçoamento de vias nos arredores, impulsionando o fluxo turístico das regiões com baixo investimento e resultados significativos.


O FÓRUM


Além da presença do secretário Lucas Fiuza, também participaram os secretários William França, da Secretaria Nacional de Desenvolvimento e Competitividade; Vicente Alves, da Secretaria Nacional de Infraestrutura Turística e representantes do gabinete do ministro, da secretaria executiva e da consultoria jurídica.


O grupo tem a função de discutir e propor políticas e estratégias para aperfeiçoar a mobilidade e a conectividade turística no Brasil; consultar autoridades e técnicos relacionados à mobilidade e conectividade turística; e promover a coesão das ações e programas.


Além disso, deve realizar estudos em temas ligados à mobilidade e à conectividade turística e, ainda, observar experiências internacionais no segmento e conhecer as práticas mercadológicas.

ESSENCIAL AR

"Arte é a Prática da Verdade, do Bem e do Belo, ou seja, Ética, Filosofia e Estética em todos os Âmbitos da Vida"    Massararu Taniguchi/Filósofo Japonês

Telefone Contato

31 988543133

email de contato
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram