• Fernand Lodi

Chorinho no Vale




Projeto musical leva a história do choro a cidades do Vale do Aço e espetáculo musical a Antônio Dias, Ipaba, Periquito e Belo Oriente, entre maio e junho


Na semana em que se comemora o Dia Nacional do Choro, 23 de abril, o Vale do Aço recebe um presente. Para os apreciadores do estilo musical, o projeto Chorinho no Vale chega para contar um pouco da história desse gênero de naturalidade brasileira.


O Chorinho no Vale consiste em apresentações pelas cidades de Antônio Dias, Ipaba, Periquito e Belo Oriente, onde o quarteto Choro do Vale, formado pelos músicos Fabiano Cruz (violão), Marcelo Araújo (percussão), Carlos Vinícius (cavaquinho) e Wellington Assunção (bandolim) interpretam canções que surgiram em meados do século XIX no Brasil.


Entre uma apresentação e outra, o professor e historiador Sávio Tarso, juntamente com o radialista Amigão, irá contar de forma lúdica e divertida histórias da trajetória do choro.


“Por meio do Chorinho no Vale, vamos mostrar ao nosso público que o choro é um gênero eterno, que se renova e se mantém atual a cada nova geração de seus interpretes. Reflexo disso são os grandes nomes desse estilo que têm surgido nas faculdades de música”, destaca Sávio.


“Genuinamente brasileiro, o choro é muito pouco disseminado em nossa região. Essa será uma grande oportunidade para difundirmos para a comunidade o choro, que faz parte da nossa história como grande manifestação cultural”, pontuou o músico Wellington Assunção.


O projeto Chorinho no Vale, uma produção assinada por Leila Cunha, conta com o patrocínio da CENIBRA, via Lei Federal de Incentivo à Cultura, e com o apoio das prefeituras municipais de Antônio Dias, Ipaba, Periquito e Belo Oriente.


Dia Nacional do Choro


O Dia 23 de abril é marcado pelo Dia Nacional do Choro. A data é uma referência a um dos grandes nomes do estilo musical, Alfredo da Rocha Vianna Filho, o Pixinguinha. Flautista, saxofonista, compositor e arranjador, uma das principais referências da música popular brasileira e nome tão definitivo para a história do choro que a data de seu nascimento tornou-se o Dia Nacional do Choro. São de sua autoria músicas como Carinhoso, Lamentos, Rosa, Vou Vivendo, entre dezenas de outras.

  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram