• Fernand Lodi

Foco em atualidades ajudam alunos nas provas de vestibular tradicional Ipatinga



As provas de redação e língua portuguesa dos ainda tradicionais vestibulares de várias faculdades são decisivas na disputa por uma vaga no Ensino Superior. E chegar às provas ciente do contexto da redação e de parte das questões de língua portuguesa pode ser decisivo para os alunos


No Pré-Vestibular Fibonacci (Ipatinga – MG), os alunos contam com aulas específicas para isso no contraturno. Na turma batizada de “Paulistas e Cia”, a professora Margarete Xavier trabalha com todos os gêneros textuais cobrados nas provas de vestibular. “É comum, após o período das provas, receber mensagens dos alunos agradecendo por eu ter acertado o gênero da redação e parte das questões da prova objetiva”, explica Margarete.


A antecipação desses conteúdos é fruto da experiência da professora e da dedicação em se manter atualizada. “Não há mágica. Conhecer o estilo de cada vestibular e me manter atualizada quanto aos possíveis temas e diversidade de gêneros textuais são os meios utilizados para possibilitar que os alunos estejam à frente dos concorrentes. Em 2020, trabalhei mais de 20 gêneros diferentes com a turma: podcasts, crônicas, discurso político, entre outros”, revela a professora.


Na escola, Margarete ainda mantém um painel com recortes de jornais focados em possíveis temas tanto da redação ENEM como dos grandes vestibulares do país, além de questões que contemplam todas as disciplinas e sejam assuntos importantes. “O painel ficou conhecido como ‘Mural da Margarete’ e chegou a ser notícia da Folha de São Paulo”, relembra.


Mais sobre a “Paulistas e Cia”


As orientações da “Paulistas e Cia” são oferecidas no contraturno das aulas dos alunos regularmente matriculados no terceiro ano do Ensino Médio e Extensivo Pré-Vestibular do Fibonacci. O reforço em redação e língua portuguesa sempre fez parte do Pré-Vestibular, mas a turma “Paulistas e Cia” nasceu oficialmente em 2020 para atender aos alunos interessados em vagas de universidades e faculdades com vestibulares tradicionais.


A professora Margarete Xavier, graduada em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa e Inglesa pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC – MG), é quem comanda a turma. No Colégio e Pré-Vestibular Fibonacci, Margarete leciona desde 2009 e fez parte da conquista da nota mais alta na redação do ENEM em 2011.


As matrículas para o Extensivo Pré-Vestibular Fibonacci estão abertas. Mais informações pelo telefone (31) 3830-2451.